#NoInstagram: O que é a Feira da Foda?

Desde ontem, quando esta notícia foi publicada, as pessoas começaram a levar o Coronavírus mais a sério.

Recebi muitas mensagens, lamentando o cancelamento da Feira da Foda.

A melhor foi a do meu irmão, que dizia “Broxou a Feira da Foda 🙁 “

Eu também lamento, gente! Até porque estarei de folga e tinha planos pra estar no meio daquela Foda toda.

Mas resolvi aproveitar a mente maliciosa de vocês pra contar um pouquinho mais sobre esse evento – que parece meme, mas não é.

Primeiro: O que é Foda, meu Deus?

via GIPHY

Foda é um prato típico de Monção, município do Distrito de Viana do Castelo, que fica bem ao norte de Portugal, já na divisa com a Espanha.

Esse prato tem como base cordeiro assado no forno à lenha e arroz.

Basicamente, é isso (Foto: ncultura.pt)

Mas em Portugal “foda” tem o mesmo significado que no Brasil?

Sim.

Então por que esse nome?

Porque, segundo contam, os comerciantes colocavam sal na ração dos cordeiros para que eles bebessem mais água e, assim, se apresentassem mais gordos na hora da venda.

Quando o comprador, já em casa, descobria a vigarice, exclamava “Que grande foda!”.

Dessa forma, o prato, originalmente chamado Cordeiro à Moda de Monção, virou Foda à Monção.

via GIPHY

O nome caiu nas graças dos portugueses que, ao contrário do que muitos pensam no Brasil, têm um ótimo senso de humor.

Li que é comum em épocas festivas, as mulheres da região do Minho perguntarem umas às outras: “Ó Maria, já meteste a Foda?”, para saber se o prato já estava pronto pra ir ao forno.

via GIPHY

Mas, pra mim, o melhor dessa Foda toda é o hino da feira que não só dá vontade de sair dançando como conta a origem do nome.

“Nunca pensariam elas que vinha a foda a caminho”

E tem a letra pra cantar junto!

Agentes da burguesia
Vinham à Pias a feira e toda gente queria um carneiro de primeira
E lá vinham as donzelas p’ra comprar o mais gordinho
Nunca pensariam elas que vinha a foda a caminho

Vamos à foda, vamos à foda gastronomia, história e tradição
Vamos à foda, vamos à foda, a boa foda é em Pias de Monção

O peso é creditável ao porte do animal
De tanto beber inchava de uma forma natural
Uma pitada de sal torna o plasto apetitoso
Dava a selar o animal para torná-lo mais formoso

Vamos à foda, vamos à foda gastronomia, história e tradição
Vamos à foda, vamos à foda, a boa foda é em Pias de Monção

É assim que reza a lenda dessa nossa iguaria
Com o nome ninguém se ofenda coisas da gastronomia
O carneiro a pingar no orrosco ou no alçafrão
Dá a afagar a foda de Pias de Monção

No cartaz deste ano da feira, apareceu tipo um acrônimo pra FODA, incluindo as palavras Feira, Gastronomia, Tradição e História.

É Foda que você quer, @?

E para que você possa ter Foda em qualquer lugar, vou deixar aqui a receita da Foda à Monção, que, inclusive, foi eleita uma das 7 Maravilhas de Portugal à Mesa.

via GIPHY

Ingredientes:

  • 4 dentes de alho
  • 1 ramo de salsa
  • 1 folha de louro
  • 1kg de cordeiro (cortado em pedaços)
  • 300ml vinho branco
  • 50ml de azeite
  • 1 colher de chá com pimentão-doce
  • Sal e pimenta a gosto

Para o arroz:

  • 2 Dentes de alho
  • 1 Cebola
  • 500g de arroz
  • 60g de presunto
  • 50ml de azeite
  • 1 Cubo de caldo de carne
  • 1 colher de sopa com açafrão em pó
  • Pimenta a gosto
  • Sal a gosto

Modo de preparo:

  • Coloque numa forma o cordeiro (cortado em pedaços).
  • Tempere o cordeiro com os dentes de alho picados, o pimentão-doce, o sal e a pimenta.
  • Junte o azeite, a folha de louro e um ramo de salsa.
  • Regue com o vinho branco.
  • Envolva bem todos os ingredientes e deixe a marinar na forma por 30 minutos.
  • Coloque por 45 minutos no forno (pré-aquecido a 180°C).
  • De vez em quando, vire os pedaços de carne.
  • Se achar necessário, adicione água aos poucos.

Prepare o arroz:

  • Descasque a cebola e pique-as em pequenos cubos.
  • Retire a pele dos dentes de alho e pique-os.
  • Remova a gordura ao presunto e corte-o em pequenos cubos.
  • Coloque a ferver 1 litro de água temperada com sal e pimenta.
  • Junte-lhe o caldo de carne e o açafrão. Quando estiver pronto, reserve.
  • Num outro tacho, aqueça o azeite e refogue os dentes de alho e a cebola. Junte o presunto.
  • Acrescente o caldo anterior. Junte o arroz. Mexa e tape.
  • Leve ao forno por 20 minutos.
  • Retire do forno, coloque por cima o cordeiro.

E está pronta uma boa Foda!

Atenção que presunto não é o mesmo que no Brasil. É aquele que conhecemos como presunto parma (ou algo assim).

Presunto normal, em Portugal, é fiambre.

É isso, meu povo!

Agradeçam o site ncultura.pt, que traz muita coisa legal sobre a cultura portuguesa e foi minha principal fonte de informação pra esse post.

Boa Foda pra vocês!

via GIPHY

One Reply to “#NoInstagram: O que é a Feira da Foda?”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.