#13 – Nomes em Portugal

Y no lugar de i, h onde não faz nenhum sentido, dois Ls, três Ts, quatro Ns. Esqueçam isso se forem batizar uma criança em Portugal. Por aqui, as regras gramaticais valem até para nomes próprios e existe uma lista de nomes permitidos para que os pais escolham como irão chamar os filhos. Nesse episódio, eu conto como funciona isso e dou dois exemplos de nomes bem comuns no Brasil que seriam proibidos na terrinha.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.